A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/03/2011

FC Porto fascista porco

13/03/2011 + 47 Comentários




EFEMÉRIDE
         
Passam hoje, 13 de Março de 2011, 83 anos sobre uma data vergonhosa – 13 de Março de 1928 - que assinala a estreia do aproveitamento institucional de um clube desportivo e da cobertura que lhe foi dada pelo aparelho político que iria desembocar no “Fascismo Português”.

O FC Porto foi elevado a Instituição de Utilidade Pública passando a usufruir de todos os benefícios daí inerentes (ver imagem do Decreto-Lei do Ministério da Instrução Pública publicado no Diário do Governo).

Recordemos que o Benfica, apenas em 6 de Setembro de 1960, e integrado num lote de cinco clubes (ver imagem do Decreto n.º 43 153) atingiu tal distinção e proveitos. Ou seja, haviam passado... 32 anos e seis meses após a estreia portista como “Clube do Fascismo”!

Esta data, há 83 anos, marca no futebol português o modo, inédito até aí, como um clube se aproveitou, para proveito próprio, da promiscuidade entre o exercício de cargos directivos e a participação no aparelho repressivo do Estado Novo.

Se bem que o FC Porto se aproveitasse muito bem desta promiscuidade, até 25 de Abril de 1974, a sua existência provinciana e regional, num regime centralista, permitiu que fosse o Sporting CP aquele que mais beneficiou com a Situação.

Em 1928, o presidente da Direcção do FC Porto era o inefável fascista Abílio Urgel Horta (clicar). Nascido em 17 de Junho de 1896, em Felgar, uma freguesia em Torre de Moncorvo, cedo rumou para a cidade do Porto, onde se formou em Medicina. Aos 31 anos, sendo presidente do FCP e tendo feito amizades, com alguns dos militares que implantaram (28 de Maio de 1926) em Portugal, a Ditadura Nacional que estaria na origem, em 1933, do Estado Novo, consegue com uma “cunha de tamanho fascista” que o Presidente da República Óscar Carmona, Manuel Rodrigues Júnior (Ministro das Finanças) e José Alfredo Mendes de Magalhães (Ministro da Instrução Pública) assinem o Decreto-Lei que fez do FC Porto o pioneiro (e único clube durante 32 anos e seis meses) detentor do estatuto de Utilidade Pública. Este médico fascizóide regressaria à presidência da Direcção portista, entre 1951 e 1953, para “sacar do Poder Autoritário e Repressivo Português” o Estádio das Antas, inaugurado pomposamente em 28 de Maio de 1952, o Dia das Comemorações Fascistas, integrando a inauguração do estádio nas celebrações dos 26 anos da implantação do Regime. O médido fascizóide foi deputado da União Nacional, em diversas legislaturas, mostrando-se particularmente activo, na VI (1953-1957), VII (1957-1961) e VIII (1961-1965). Infelizmente, já não viu a Implantação da Democracia. Como ele, certamente, se indignaria com o poder actual do FC Porto, com este a conotar o Benfica com o Regime que sempre defendeu, e com o qual o seu clube (FC Porto) tanto beneficiou. Ingratidão “pintodacostista”.

Publicamos uma sugestiva fotografia com dois figurões do Fascismo Português – Oliveira Salazar e Óscar Carmona – tendo ambos de cada lado, duas das muitas figurinhas do FC Porto, ambas (a par de Salazar) a fazer a saudação fascista. O primeiro da direita é... Urgel Horta. O primeiro da esquerda é Ângelo César.

O fascista Ângelo César Machado (clicar) nasceu em 4 de Março de 1900 numa pequena freguesia do distrito Viseu, concelho de Resende, denominada... Andrade. Andrade à nascença, Andrade e fascista toda uma vida. Ângelo César cruzou-se com Salazar (nascido no Vimieiro... Viseu, em 1889) na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, onde Salazar foi seu professor. Estabeleceu-se entre eles uma grande amizade – formou-se em 1924 – com ambos a integrarem o Centro Católico. O fascista Ângelo César esteve na fundação da Milícia Lusitana em 1927, que depois integrou a “Liga Nacional 28 de Maio”, génese da Legião Portuguesa (os delatores do Regime, popularmente designados por “Bufaria”). Ângelo César foi destacado deputado na Assembleia Nacional, fazendo a apologia de Salazar não só como militante do partido único União Nacional, mas com artigos panegíricos a Salazar e ao Fascismo publicados num dos jornais patrocinados pelo Estado Novo, o “Diário da Manhã” órgão de imprensa em que os tipógrados por vezes se “esqueciam” de colocar o “til” porque entendiam classificar melhor as notícias como “Diário da Manha”. Advogado estabelecido na cidade do Porto, enquanto deputado da fascista União Nacional - em três legislaturas {I (1935-1938), II (1938-1942) e III (1942-1945)} - foi presidente da Direcção do FC Porto, entre 1938 e 1939. Morreu em 12 de Julho de 1972, vilipendiado pelos democratas portuenses, a dois anos da Revolução dos Cravos. Que pena não ter assistido, à democracia e ao portismo que conota o Benfica com o Regime de que foi um dos mais influentes sustentáculos no Norte. Ângelo César foi um dos principais responsáveis pela organização da "Bufa Portuense" sendo, em 1937, adjunto político da primeira Junta Central da Legião Portuguesa no Norte de Portugal. Quantos democratas não teria ele "enviado" para Custóias e Peniche!? Apesar dessa vergonhosa promiscuidade - deputado fascista da União Nacional e presidente fascizóide do FC Porto, em simultâneo - o inefável medíocre nosso contemporâneo Bernardino Barros tenta branquear a sua acção fazendo-o passar por um oposicionista ao salazarismo (ver digitalização). Têm cá uma lata, estes portistas.

Fascismo (e FC Porto) Nunca Mais!

Alberto Miguéns




         Decreto do Ministério da Instrução Pública.
13 de Março de 1928



           Decreto n.º 43 153 do Ministério da Educação
Nacional (D-G da EF, D e SE).
6 de Setembro de 1960

              Da esquerda para a direita. Ângelo César (presidente do
              FC Porto entre 1938 e 1939), Oliveira Salazar (1889/1970),
              Óscar Carmona (1869/1951)  e Urgel Horta (presidente do FC Porto
              em 1928/29 e de 1951 a 1953)

O sem vergonha Bernardino Barros in “Mui Nobre e Sempre
Invicto Clube do Porto”, Página 20, Prime Books, Lisboa, 2006..
A dar a entender que o FC Porto era prejudicado pelo salazarismo por 
ter Ângelo César.  Mas este era fascista (clicar)
47 comentários
comentários
  1. Excelente naco de prosa.
    Já se sabia que este clubeco, gozava dos favores do antigo regime, mas não o sabiamos com todos estes pormenores.

    Agora entendo porque é que o clube das putas, não desceu de divisão na década de 40.

    Desculpa lá Alberto, mas vou incluir esta ODE no blogue onde escrevo(muito visitado pelos androides) que é mais ou menos um irmão gémeo do teu:http://www.eddg.gloriosasfera.com/

    ResponderEliminar
  2. O antigo regime onde o Benfica teve a melhor racio de títulos de sempre, não é?!
    A quem é que o regime ajudava afinal???

    Deixem de ser pacóvios!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Miguel,

      Tentar colar os títulos do Benfica ao regime Salazarento foi exactamente o tipo de falsidade que o enorme Alberto Miguéns acabou de desmontar...

      Por acaso não leu o texto? E muito mais haveria para dizer meu caro...

      Já agora quando fala em "racio" de títulos o que é que está a tentar dizer? É que sinceramente não o percebo.

      Rácio: O conceito de rácio pode afirmar-se como sendo uma relação existente entre duas grandezas que pode ser expressa, quer sob a forma de quociente, quer sob a forma de percentagem.

      Se pretende dividir os títulos a sério do Benfica (e aqui falo dos honestos) pelos do seu mais que óbvio FC Corrupção verá que ainda fica com um número muito próximo de 2, mas se pretende inventar uma percentagem usando a metodologia dos rácios, aconselho-o antes a preocupar-se primeiro com o Balanço Patrimonial ou a Demonstração de Resultados do seu clube. Verá que tem aí muito mais pano para mangas do que andar pelos nossos blogues a questionar o inquestionável.

      Passar bem meu caro e já agora, antes pacóvio que pachola, que é aquilo que o meu caro evidentemente demonstra ser.

      Para lhe poupar as teclas e evitar que perca tempo a fundamentar a sua resposta perdido pelos meandros da internet aqui lhe deixo o que pachola significa: Farsante, Pedante, Pessoa duvidosa, Orgulhoso, Vaidoso, etc.

      Aposto que a seguir o meu amigo vai falar do Calabote, seguindo a sua linha de pessoa mal (in)formada... Cá estarei para lhe desmontar os zurros.

      Eliminar
    2. Já agora que o meu amigo demonstra querer ser conhecedor de história deixo-lhe aqui uma pergunta, já anteriormente formulada pelo enorme imperador Constantino:

      Qual o clube, qual é ele, que votou, muito à virgem reinaldista ofendida, contra o alargamento do campeonato sem descidas de divisão, mas que foi o principal percursor e beneficiado de 2 (dois carago) alargamentos sem descidas para evitar a sua própria descida de divisão nos anos 40?

      Eliminar
    3. Ó atrasado mental, o Benfica que andava a despachar o Real Madrid penta campeão europeu, Barcelona, Juventus, etc., e não ganhava o campeonato nacional?

      Quem é que devia ter ganho esses campeonatos? os porcos corruptos com equipas de merda? Não foi por falta de ajudas como se pode ver pelos factos históricos.

      De lá para cá não mudou nada. Só o dinheiro da LC é que fez melhorar a equipa do porco. Os Calheiros, Guimaros, Xistras e outros fazem a diferença.

      Até o azul e branco são as cores da bandeira do fascismo. Um verdadeiro nojo.

      Eliminar
    4. NA MATEMÁTICA NÃO SE INVENTA

      O rácio do Benfica ANTES do 25 de Abril foi de 50%: 20 títulos em 40 Campeonatos
      O rácio do Benfica nos 20 anos DEPOIS do 25 de Abril foi de 50%: 10 títulos em 20 Campeonatos

      Ou seja o Benfica MANTEVE o rácio DEPOIS do 25 de Abril

      Só nos últimos 20 anos (94-14) é que desceu de 50% para 15% e o Porto ganhou mais campeonatos que nos 60 anos anteriores (40 de ditadura + 20 em liberdade)

      Terá a ver com o que se sabe que aconteceu através do Apito Dourado?

      Está aqui o boneco para quem tiver dificuldades:
      https://www.youtube.com/watch?v=D7sgTtCIh2w

      Eliminar
    5. carlosFFF9/2/15 00:11

      Caro nunomaf,

      Este texto nada desmonta.. pega num conjunto de dados em bruto e dá-lhes uma interpretação franciscana. Existem factos documentados da corrupção no desporto português, sobretudo da década de 60. Que raio prova o estatuto de utilidade pública? Então o Nacional também fazia parte do aparelho fascista?

      Então o pertencer a determinadas organizações, o que em muitas casos era uma obrigação social, prova alguma coisa? Ok, então vamos rever a quantidade de dirigentes benfiquistas entre 55 e 70 que eram ligados ao aparelho de estado.

      Saudações fascistas? Isso foi provado num famoso "Trio de Ataque" com provas documentais que o plantel do SLB também o fez.

      O que dizer de um célebre Belenenses-Benfica repetido por "anomalias fisicas na trajectória de uma bola num canto" e sancionado por um célebre general que pressiona uma FPF na altura sportinguista? Pois dessa história os vermelhões não falam.

      Pura propaganda barata isto...

      Eliminar
  3. O que tem a ver conquista de campeonatos do Benfica com o antigo regime?
    Para informação de alguns "andrades" o BENFICA teve e tem na sua história figuras como o Dr.Borges Coutinho que era monárquico e comunista,era conhecido pelo Conde Vermelho,e as eleições do Benfica não são como as do "Freixo" em que uns tantos "andrades"vão com uma petição pedir ao pc para se candidatar,nem me lembro de ver saudações fascistas nos jogos do Benfica,logo engola.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo7/4/11 09:46

    agora está mais que certo
    são mesmo uns facistas,estes corruptos.

    ResponderEliminar
  5. Pasmem meus Senhores!!! que nunca vos doa a mão para escreverem, informar, repor verdades!!! SLB sempre...

    ResponderEliminar
  6. Alberto Miguéns ,o FC Porto não foi o único com esse estatuto de utilidade pública até o Benfica o ter em 1960 .JÁ o CLUBE DESPORTIVO NACIONAL DA MADEIRA o tinha em ABRIL DE 1927!!!!!!Por causa do antiga campo que daria anos mais tarde o estádio dos barreiros!.O Nacional queria um campo para o futebol e não só,como por exemplo a ginástica e atletismo !.O Nacional sonhou ter um campo de futebol em 1920 !O clube tinha apenas 10 anos de vida ! O clube foi fundado por um grupo de rapazes em 1908 e a primeira equipa do clube foi uma equipa de infantis....

    ResponderEliminar
  7. eles nao admitem ke o benfica tinha amelhor equipa nos anos 60 e 70 e por isso O BENFICA GANHAVA CAMPEONATOS E TAÇAS OUVIRAM SEUS IGNORANTES PORKE O BENFICA TINHA OS MELHORES JOGADORES OS MELHORES PRESIDENTES NAO E COMO AGORA INFELIZMENTE e querem ke nos benfiquistas reconheçamos a podridão com ke ganham os campeonatos ke corja vendida e rafeira

    ResponderEliminar
  8. Aquela malta que, em 1928, atribuiu o estatuto de utilidade pública ao clube do Porto enganou-se ao escrever no decreto que aquele havia sido fundado em 1906... e logo num diário oficial... eheheh Coisas que acontecem!!! eheheh (de certeza que mais tarde, umas semanas depois, foi publicada uma rectificação. Ou isso terá acontecido já durante outro papado?!)

    E... oh Miguel (bonito nome), às vezes é bom simular um bocadinho de inteligência e, neste caso, era... talvez... ficar quietinho...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o porko não pediu a correcção da data da fundação?
      Deviam fazer-lhes essa pergunta.
      José Rama

      Eliminar
    2. Por acaso é interessante, gostava de saber se foi rectificado. Algo a pesquisar

      Eliminar
  9. Ora cá está uma boa conexão, parabéns!
    Umas atoardas novas em

    http://aminhachama.blogspot.com/2012/03/revisao-da-materia-dada.html

    ResponderEliminar
  10. O Sr. Alberto Miguéns esta escumalha corrupta e porca vomita aqui porquê, você dá-lhes forma a máfia não.

    Rua da nossa casa com estes androides corruptos e mafiosos
    Mas imediatamente, mais népia


    k

    ResponderEliminar
  11. Duarte Gomes, encontros com Pinto da Costa 


    Decorria a época de 2003/04, a célebre temporada em que FC Porto pela mão de Mourinho e os do Apito Dourado levantaram a Liga dos Campeões, o Sporting delocava-se ao Bessa e era derrotado pelo Boavista por uma arbitragem vergonhosa, mas a história não se fica por aqui. Um dia antes da visita do Sporting ao Bessa, Duarte Gomes, sim o mesmo que viu um fantasma empurrar Jardel e assinalar num clássico da Luz, e expulsou Alcides num ano de título quando supostamente Liedson isolado só com o guarda-redes pela frente ainda tinha uns quantos defesas à sua frente..., visitou a casa de Pinto da Costa na Madalena para combinar o resultado e garantir em caso de vitória do Sporting sobre o Boavista um resultado favorável ao FC Porto. Como garantia desse resultado favorável recebeu um envelope vazio com os 2500 euros do costume

    ResponderEliminar
  12. A 29 de Maio de 2008 o órgão máximo do nosso futebol atribui um cargo de embaixador da Selecção Nacional ao jogador Fernando Couto. Mais conhecido como o rei dos infractores, com um curriculum carregado de expulsões pelas mais repulsivas das razões que vão das cuspidelas às bárbaras agressões, sem esquecer o uso de substâncias proibidas. A imprensa unanimemente aplaudiu.

    Os pais de Portugal agradecem a ajuda na busca de modelos para os filhos.

    ResponderEliminar
  13. OHHH, SPORT LISBOA
    E BENFICA, O CAMPEÃOOOO!!!!
    MOSTRA A TUA RAÇA, O TEU QUERER E A AMBIÇÃO,
    NÓS SO QUEREMOS O BENFICA CAMPEÃO!!!!!

    kyx

    ResponderEliminar
  14. O que esta época nos tem demonstrado é que a teia dominante do futebol Português porkos corruptos azuis está tão bem montada que as inconstitucionais escutas provando a corrupção existente não são suficientes para a abalar, a vergonha existe e existirá, a volta a dar é criar equipas que sejam mais fortes que tudo e que todos. Mandem os Olegários e os Xistras fazerem o seu trabalho, que nós assistimos e no final (como aconteceu em Guimarães, Coimbra e Luz) exultamos e gritamos em plenos pulmões
    FOMOS ROUBADOSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS
    Seus bandidos e gatunosssssssssssssssssssssssssssssss

    ResponderEliminar
  15. 1.ª Escuta : Valentim Loureiro vs António Garrido

    2.ª Escuta : Pinto da Costa vs Pinto de Sousa (1.º
    telefonema)

    3.ª Escuta : Pinto da Costa vs Pinto de Sousa (2.º telefonema)

    4.ª Escuta : Pinto da Costa vs Gilberto Madaíl
    Divulgadas pelo programa "45 minutos", BenficaTV

    o nojo de ser andrade corrupto esta no YOUTUBE e só ver e ler e fechar a pocilga de vez ...

    ResponderEliminar
  16. Todos nós já sabemos que Portugal é um paraíso para todo o tipo de criminosos, tais como corruptos, malfeitores, ladrões, gatunos, vigaristas e afins. Sejam eles do Futebol, da Política, do Espectáculo, das Finanças ou seja de que área for.
    O Sistema Judicial Português simplesmente não funciona porque ele próprio é alvo da corrupção. Doa a quem doer é esta a Verdade.

    Agora, a TOTAL AUSÊNCIA DE VERGONHA por parte de quem está comprovadamente implicado a actos MAFIOSOS como estes corruptos azuis que ainda tem lata para discutir com gente seria vão mas e pra pocilga do ladrão e rapido..

    Riam-se, porque realmente é para rir, com os tais ditos virgens prenhos dos corruptos do Azul-Máfia a dar lições de moral!.. vão catar chatos pras vossas ruas mas e .

    ResponderEliminar
  17. A sorte dos porcos corruptos é estarem nesta bosta de país. Se fosse em Espanha, por exemplo, o bimbo da bosta e a merda que o acompanha já tinham sido todos mortos.

    Portugal não merece ter um clube como o Sport Lisboa e BENFICA!
    Não tem dimensão, seja ela de qual espécie for, para ter um clube como o nosso.

    carolina

    ResponderEliminar
  18. A pouca vergonha a que assistimos semanalmente cria revolta que um dia poderá sair caro a algum destes animais que colabora com o Sistema mafioso corrupto azul. Um Sistema podre e CORRUPTO azul ao qual a Justiça(???) nada faz para impedir que a vergonha continue a imperar. Um Sistema que vai vencendo e contornando a verdade desportiva!

    Até quando vamos permitir que brinquem com o bom nome do Sport Lisboa e Benfica?!

    alguns totós estão muito mal enganados ,ai estão, tão.

    ResponderEliminar
  19. Um excerto da entrevista a Herminio Loureiro:

    "Valentim ou Pinto da Costa nunca lhe disseram para controlar o que Ricardo Costa (presidente da Comissão Disciplinar da Liga) andava a fazer?

    A única pessoa que me falou do Ricardo Costa foi o Adelino Caldeira, vice-presidente do FC Porto, a 3 de Setembro de 2008 num almoço no restaurante Lusíadas, em Matosinhos. Ele foi clarinho e apreciei a frontalidade. Disse-me: ‘Meu caro, ou você corre com o Ricardo Costa e tem a vida facilitada ou vamos fazer-lhe a vida negra’. Certo é que não mudei a orientação de total autonomia que dei desde o início à Comissão Disciplinar. Desde esse dia que percebi que me iam fazer a vida negra e fizeram."

    Parece que afinal, declarações desta gravidade não são nada de especial para a imprensa!

    ResponderEliminar
  20. Nos últimos tempos tem sido comum encontrar espalhada pela blogosfera uma redonda e persistente mentira, segundo a qual o Benfica seria um clube conotado com o antigo regime ou protegido pelo mesmo.
    Em cerca de trinta anos de adepto de futebol nunca tinha ouvido tal coisa, e foi preciso aparecerem uns iluminados, fanatizados e instrumentalizados por um certo poder, para ver lançada no ar essa atoarda, como se se tratasse da mais cristalina das evidências.
    A afirmação é tão absurda que não mereceria mais que o silêncio. Mas ainda assim, não gostaria de perder a oportunidade de deixar aqui algumas notas, para que os mais novos não se deixem enganar, e a partir das quais se pode ver o ridículo em que caem aqueles que, por fraqueza de espírito, ingenuidade ou ignorância, se deixam manipular e fanatizar por quem deles se serve e assim perpetua um poder bem mais absoluto do que devia, e para o qual a ética e a justiça estão, não na ponta da espingarda como diria Mao-Tse-Tung, mas sim numa qualquer comemoração triunfante na Alameda das Antas. Vejamos

    1 - Será o menos importante, mas para começar, a cor vermelha diz bastante. Salazar, que nem sequer gostava de futebol, nunca patrocinaria um clube com as cores da sua figadal inimiga União Soviética. A comunicação social até foi forçada a utilizar a palavra “encarnados” para descrever o Benfica, de modo a não conjugar “vermelhos” com “vencedores”, o que poderia ser dramático para o regime. Ao contrário do Real Madrid – que usava cores queridas aos falangistas de Franco -, o Benfica usava as cores da revolta. Diria até que, por exemplo, o azul e o branco ficariam esteticamente bem melhor com toda a simbologia salazarista.

    2 - O Estado Novo teve início em 1926 e começou a desintegrar-se em 1961 com as crises estudantis e a guerra colonial. Pois foi precisamente na fase decadente do antigo regime que o Benfica emergiu como força dominante do desporto português.
    Nos primeiros vinte e cinco campeonatos nacionais (entre 1934 e 1959, ou seja o período mais relevante do Salazarismo), a lista de vencedores é encabeçada pelo Sporting com 10 títulos, seguindo-se o Benfica com 9, o F.C.Porto com 5 e o Belenenses com 1. O Benfica tinha portanto vencido 36 % dos campeonatos – em 2008 tem 42%...

    3 - O 25 de Abril foi, como todos sabem, em 1974. Pois nas três épocas seguintes o Benfica foi tri-campeão !. Nos vinte anos a seguir à revolução o clube da Luz, não parecendo sentir nada o fim da ditadura, venceu 10 campeonatos, 7 taças, e foi a 3 finais europeias. No mesmo período o F.C.Porto conquistou 8 campeonatos, 5 taças e foi a 2 finais europeias. O Sporting venceu 2 campeonatos e 2 taças.
    A crise benfiquista, e a consequente hegemonia portista, deu-se apenas devido às sucessivas má gestões de Jorge de Brito (neste caso mais de quem o acompanhava), e sobretudo, Manuel Damásio e Vale e Azevedo que, paralelamente a outros aspectos, abriram campo aos triunfos portistas das últimas decadas

    ResponderEliminar
  21. 4 - Por falar em presidentes, o Benfica foi ao longo da sua história, e enquanto durou o regime anterior, quase sempre presidido por ilustres oposicionistas. Félix Bermudes foi perseguido pela PIDE, e no consolado de Tamagnini Barbosa o clube chegou a correr o risco de ser encerrado pelo governo por alegadamente estar tomado por “conspiradores”. Um outro presidente (Júlio Ribeiro da Costa) teve mesmo de se demitir para que o clube não fosse mais penalizado pelo regime, dada a sua forte conotação política com a oposição. O Benfica chegou a ter um presidente operário (Manuel Afonso, também, naturalmente, oposicionista), e foi, de longe, o clube desportivo que mais problemas criou a Salazar, como de resto seria de esperar numa agremiação tão marcadamente popular desde a sua fundação.

    5 - Os órgãos sociais do Benfica sempre foram eleitos democraticamente, o que por diversas vezes foi alvo do olhar recriminador da PIDE, que acompanhou os actos eleitorais e assembleias-gerais bem de perto. Durante muitos anos foi o Benfica a única das grandes instituições do país onde o poder era escolhido através de voto livre e democrático. Nem o Jornal do clube escapou à perseguição, sobretudo quando tinha à sua frente José Magalhães Godinho.

    6 - Os poderes públicos apoiavam tanto os “encarnados” que em 1956 escolheram o Sporting – por convite - para participar na primeira edição da Taça dos Campeões Europeus, apesar do campeão da época anterior ter sido o Benfica.

    7 - O Estádio das Antas, construído com fortíssima ajuda do regime, e financiado por gente a ele ligada, foi inaugurado num dia 28 de Maio, data em que Gomes da Costa havia partido do norte em direcção a Lisboa para instalar a ditadura em Portugal, 26 anos antes. Curiosamente, o Benfica estragou a festa e venceu por…2-8 !!
    Pelo contrário, o Estádio da Luz foi construído (muitas vezes literalmente) pelos sócios do Benfica, sem recurso a quaisquer subsídios, e permitiu ao clube acabar com os sucessivos despejos a que foi sujeito e a que foi estoicamente resistindo. Curiosamente, o estádio que o Benfica utilizava antes tinha sido arrendado pelo Sporting (clube da aristocracia lisboeta), que então lhe chamava Estádio 28 de Maio. O Benfica não só fez questão de o inaugurar num dia 5 de Outubro, como lhe mudou o nome, designando-o apenas por “Campo Grande”.

    8 - No início dos anos quarenta, época dourada de Salazar, o F.C.Porto beneficiou da ajuda dos seus influentes homens do poder para, através de dois cirúrgicos alargamentos, evitar cair para a segunda divisão, após se ter classificado em terceiro lugar no seu campeonato regional, que na altura apurava as equipas (os dois primeiros) para a prova nacional. Mal se sabia que, décadas e décadas depois, seria novamente a sua influência a evitar a descida, agora por motivos bem diferentes, e bem mais nebulosos

    ResponderEliminar
  22. a verdade

    http://futeboltuga.com/comunidade/futebol-nacional/(info)-as-provas-de-que-o-benfica-nao-era-o-clube-do-regime-'salazarista'/?PHPSESSID=0737aa09de0cc71ee033f5145071a79e

    ResponderEliminar
  23. - A ditadura ajudou o FC Porto a construir o já desaparecido Estádio das Antas, simbolicamente inaugurado a 28 de Maio de 1952, quase três anos após o início das obras (a 1ª pedra foi lançada em 1949).

    - As ligações do FC Porto ao poder permitiram-lhe incrivelmente nas épocas de 1939/40 e 1941/42 conseguir 2 alargamentos dos nacionais para evitar descer à 2º divisão.

    - O clube mais próximo da ditadura sempre foi Sporting, pois era o clube que tinha simpatizantes com maior peso na sociedade da altura, e mais tarde (na época do Almirante Américo Tomás)também o Belenenses.

    - A 16 de Dezembro de 1960, Eusébio chegou a Lisboa para jogar no Benfica, ficando cerca de uma semana fechado num hotel do Algarve sob vigia de Domingos Claudino, por se recear uma tentativa de rapto por parte do Sporting (clube fortemente apoiado pelo regime).

    anti-corruptos

    ResponderEliminar
  24. 1º Equipa do FCPORTO na fundação do clube em 1906
    1ª fila-sentados - da direira - ELISABETH DE MESQUITA - ANTÓNIO PINHEIRO - E MENDES CORREIA
    fila do meio - CATULO GNADA -- BOADA E ANTÓNIO MARTINS
    ultima fila - FREITAS - MONTEIRO DA COSTA (FOI O 1º PRESIDENTE) - HARDY - ARAUJO E JOSÉ BASTOS
    esta foi a 1º EQUIPA NA FUNDAÇÃO DO FCPORTO EM 1906

    a verdade doi carago ! carago não ! ok

    ResponderEliminar
  25. Desculpem lá o uso da palavra, mas ....
    FDS essa merda tá toda datado com documentos históricos e os FDP das televisões não fazem um documentario a mostrar isso tudo porquê?

    até fico doente só de ler isso

    abraços benfiquistas

    ResponderEliminar
  26. O Marcus agora que há a BenficaTV e a ABolaTV bem que podiam fazer documentários disto. Fiquei extramente impressionado pelo que li hoje. Sendo bastante díficil depois do que já vi nos últimos 20 e picos anos...

    A verdade histórica permite trazer justiça ao que se passa hoje em dia!

    Obrigado pelo documento !

    ResponderEliminar
  27. Os 20 anos de mais títulos da história do Benfica foram exactamente... os primeiros 20 anos da Democracia. São as 2 décadas de maior conquista de títulos. Não me parece que durante todo o Estado Novo se encontre mais títulos (embora se encontrem melhores, claro)...

    ResponderEliminar
  28. Anónimo4/1/13 18:01

    É curioso porque o "santo padroeiro" que voces falam, desviava jogadores para o "glorioso", aquela porcaria que voces lhe chamam, e quem dissesse mal do "glorioso" ia logo com a pide... Ganhem vergonha na cara queixinhas... São sempre levados ao colo e ainda se queixam...

    ResponderEliminar
  29. Neste tipo de debates envolvendo o regime do Estado Novo com o desporto, deixa transparecer preferências clubistas, e seja qual for a parte a defender, o menos satisfeito "coça sempre onde tem comichão".
    Tal resulta de certa apatia natural que se prende com bairrismo regional, que de resto existe na maioria das capitais em disputa de valores com a segunda cidade de seus países. É assim na Espanha, na Itália...
    Admito que neste URL e noutros se apresentem dados com algum valor histórico extra-futebol, cujas vítimas se contaram de forma global e não sectária. Na minha opinião, e que vivi os tempos de glória do Benfica com certo regozijo natural de patriotismo, tenho apenas um comentário pessoal: Os sucessos, quer no desporto, quer nos demais sectores da vida, são feitos por HOMENS (E MULHERES). Os talentos dos mais capacitados, quando agrupados entre si e bem geridos, podem formar um grupo coeso e vencedor. Além da massa humana, que tem constante rotatividade, quer queiramos quer não, um clube não é mais que um emblema, uma bandeira e um estádio.
    Dentro desta óptica, não faz sentido envolver os políticos e regimes que tivemos, as arbitragens, a corrupção. Se me perguntam se não existem corruptos, respondo SIM... mas se eles do norte, centro ou sul... estão em TODA a parte.
    Historicamente, podemos comparar as épocas áureas de um clube a uma potência militar. Se o Império Romano dominou a seu tempo boa parte da Europa e do mundo durante séculos, e acabou por ter sua queda... porque não o Benfica? Não seria louvável para um país que só existissem duas equipas competitivas, e na mesma região. E pena é que as equipas 'sensação' que vão surgindo todos os anos não batam o pé aos 'grandes' com mais garra, de modo a se destacarem como campeões e mostrar ao mundo que Portugal é de norte a sul e se estende às regiões insulares.
    Pela minha vivência de constatar querelas idênticas a estas, e que do clubismo facilmente descamba para injúrias e até agressões, cansei de ouvir esta: PORTUGAL É LISBOA, O RESTO É PAISAGEM!. De facto, sem ponta de orgulho em o admitir, foi uma verdade. Se Salazar simpatizava com o Benfica ou não, ele é que o poderia ter confirmado, mas pelo facto de ter canalizado para a capital a maior fatia do orçamento em detrimento das restantes regiões, estradas, saneamento básico, eletricidade, escolas, etc... leva crer que alguma simpatia inconfessável recaísse por um dos dois da Segunda Circular, ou mesmo pelo vizinho de Belém... se acaso alguém lho tiver perguntado, que publique a resposta.
    Viva Portugal!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Leitor

      Esse é o discurso típico da desresponsabilização. O FCP é corrupto?! É... mas... Há corruptos em todo o lado! O FCP tem é corruptos mais competentes que os outros corruptos. Percebi mas não dou para esse peditório!

      Salazar odiava multidões e futebol. Só foi á inauguração do Estádio Nacional e a dois jogos da selecção contra Espanha para se encontrar com Franco. Além disso era de Santa Comba Dão e estudou em Coimbra. Não me admirava que fosse do FCP. Quamndo chegou a Lisboa, em 1928, se já tinha clube dificilmente mudava (era de ideias fixas) e já não tinha idade para isso. Como vê na foto os dois andróides estão entusiasmados com ele!

      Gloriosas Saudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  30. O FC Porto não foi o primeiro Clube a ser Instituição de Utilidade Pública. O FC Porto é mais antigo do que Benfica e Sporting, os Dois Clubes do Regime e do "Padrinho" Salazar (palavras de Eusébio, Coluna, Torres e Ciª). O FC Porto foi o clube que menos beneficiou com os 45 anos do Regime de Salazar e do Estado Novo. Façam as contas do Antes de Salazar, do Durante Salazar e do Depois de Salazar! O Benfica já tinha Benefícios mais que suficientes. Não foi Salazar quem atribuiu ao FC Porto o estatuto de Utilidade Pública, mas foi Salazar e o seu Regime quem a ofereceu ao Benfica!

    Todos sabemos que Salazar era do Benfica e simpatizava com o Sporting e não queria que o FC Porto conquistasse vitórias nem troféus! Em 1959 o FC Porto foi impedido pelo Estado e F.P.F. de disputar a Taça Latina (O FC Porto era o actual Campeão Nacional e tinha o Direito de representar Portugal naquela prova de clubes). Salazar exigiu que fosse um dois clubes da capital. E assim foi, o FC Porto não pôde disputar a final da Taça Latina e conquistar o que lhe pertencia por direito. E esta, hein?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os adeptos do FCP tornaram-se iguais ao presidente dos últimos 30 anos. Só retórica mesmo baseando-se em mentiras.

      1. O FCP foi o primeiro clube a ser Instituição de Utilidade Pública (UP) (13 de Março de 1928). E mais do que isso, foi aproveitando a falta de Democracia em Portugal (Ditadura Militar implantada em 28 de Maio de 1926 por quem lhe deu a UP!). Vergonha!;

      2. Ofereceu ao Benfica... em 1960. Quando o Benfica fazia muito mais pelo futebol, pelo desporto e por Portugal que o FCP. Até em 1928, quanto mais em 1960! Vergonha!;

      3. Queria tanto que o FC Porto não conquistasse troféus que permitiu o assalto do FCP à AF Porto de modo a dizimar os outros clubes. Em 34 edições do Campeonato Regional do Porto o FCP venceu... 30. E o Boavista FC (1913/14) e o SC Salgueiros (1917/18) conseguiram-no antes do Fascismo. Em 1939/40 (Leixões SC) e 1941/42 (Académico FC Porto) conseguiram suspender as classificações, pois nem em 2.º ficaram. E deviam ter ido para a II Divisão. Só não firam porque os poderes fascistas (ou Salazar se quiser que o homem tenha responsabilidade em tudo o que acontecia em Portugal) não deixou. Deu uma chapelada nos regulamentos para o FCP cheio de dirigentes fascistas pudessem jogar na I Divisão! Vergonha!;

      4. «Todos sabemos que Salazar era do Benfica». Dogma mentiroso do portismo. Ninguém sabe qual era o Clube de Salazar. Nem ele devia saber. Não há UM documento. O que se sabe é que odiava o desporto e o futebol, excepto a Vela, Hipismo e Esgrima por as considerar Modalidades "Nacionalistas" que evocavam os Descobrimentos! Que se saiba foi a dois jogos de futebol. Um da selecção em Vigo frente a Espanha (28 de Novembro de 1937) para falar com Franco quando a FIFA proibia jogos da selecção de Espanha por não reconhecer o regime espanhol durante a Guerra Civil e na inauguração do Estádio Nacional (10 de Junho de 1944), em homenagem ao seu ministro e mentor, eng.º Duarte Pacheco recentemente falecido em 16 de Novembro de 1943.

      5. O FCP não foi à Taça Latina em Junho de 1956 porque decidiu que era mais importante fazer uma digressão pelo Brasil. O Benfica em 1955 tinha feito exactamente o mesmo (por isso o CF "Os Belenenses" foi à Taça Latina desse ano, mas os Benfiquistas não culpam Salazar. Respeitam a opção dos dirigentes da época). Aliás o FCP, nesse ano de 1956, copiou o Benfica em tudo: abdicou da Taça Latina - e para ir à final não era assim tão fácil como diz no texto, pois tinha de eliminar o AC Milan em Milão (estava-se mesmo a ver que iria ter sucesso....) para ir ao Brasil, pois a digressão do Benfica no ano anterior tinha sido apoteótica. E o FCP queria ter dividendos $$$$$ da comunidade portuguesa no Brasil. E tal como o Benfica (Otto Glória) tinha um treinador brasileiro (Dorival Yustrich). Se não sabe a História do FCP não invente! No Verão de 1956, o FCP trocou a Taça Latina (onde iria ser dizimado pelo AC Milan em Milão) pelo Brasil (devido ao sucesso do SLB nesse país em 1955).

      Contra factos não há argumentos. Eu se fosse portista tinha tanta vergonha que andava escondido.

      Saudações portuguesas (não saúdo desportivamente adeptos de clubes corruptos, tipo Juventus FC, Ol. Marselha e FC Porto)

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  31. O senhor Alberto Miguéns de facto tem um problema muito sério para resolver consigo próprio, aliás como todos adeptos ligados a este clube. Como nestes últimos anos onde a tv é a cores e as vitórias deles são a preto e branco, resolve elaborar um dito blogue para justificar todas as derrotas que este benfica tem tido ao longo de muitos anos consecutivos, refiro-me as estes 30 anos.
    Então como se justificam as derrotas? Simplesmente é falar mal dos outros nomeadamente daquele que tem tido resultados que para eles será um sonho por realizar.
    Começam por dizer que o Porto ganha por causa dos árbitros (ninguém ligou), então para pimentar a coisa resolvem dizer que os árbitros estão do lado do porto em troca de prostitutas (algo que aconteceu com o 5l3 nestes últimos 30 anos e dito por árbitros estrangeiros). Logo a comunicação social quis inventar uma "casa dos segredos" para falar mal do Porto, mas continuou a ganhar, a ganhar e a ganhar. Então resolveram arranjar um esquema que um dia será desvendado (porque a verdade é como o azeite, vem sempre ao de cima), o esquema do apito dourado e com a ajuda de uma criatura nojenta e sem escrúpulos chamada de leonor pinhão e de uma bela escritora (mérito de Pinto de Costa ao transformar uma prostituta numa escritora, não é para qualquer um) chamada carolina deram ainda mais enfase a todo esquema montado para como sempre denegrir a imagem de Pinta da Costa e finalmente arranjar maneira de ser eliminado da presidência deste grande clube que leva bem longe o nome de Portugal, o resultado está à vista tetra campeão, campeão europeu, vencedor da taça uefa, e liga europa, vencedor da taça intercontinental... Ou seja o Porto venceu cada vez mais e mais e muito mais, entretanto com tanto esquema montado o feitiço virou-se contra o feiticeiro... Vale e Azevedo provou esse veneno e espero que um dia se faça justiça e que este atual que desfalcou o Alverca, o BPN, BES e pelos vistos está a deixar este benfica na penúria também seja castigado, não só por estes motivos mas também pelo facto coca cola se escrever com 4 letras apenas.
    Quanto ao Alberto que diz que os adeptos do FCP tornaram-se iguais ao presidente dos últimos 30 anos. Só retórica mesmo baseando-se em mentiras, Bem esse exemplo deve ser aplicado a si e a todos que estão aqueles que constantemente a falar na fruta e no café com leite e que as vitórias do porto se deve a isso mesmo porque se não assim fosse este benfica continuaria a ser aquela coisa grande... Aliás este blogue intitulado de em defesa do benfica demonstra mesmo aquilo que representam como adeptos. Para mim este blogue deveria se chamar: "defender o benfica mentindo." É isso mesmo o que sabem fazer de melhor é mentir, para mim isso é normal porque os perdedores são assim mesmo, arranjam sempre desculpas pelos insucessos alcançados.
    Uma sugestão para este blogue, esqueça o Porto e todos os outros clubes, esqueçam a história dos mesmos e para defender este clube, comecem por falar mesmo do desporto e das gramdes glórias que passaram pelo benfica (e não foram poucos), Façam dos vossos jogadores antigos e daqueles que já não estão entre nós, imortais (cantando os parabéns pelo aniversário,) a bibiografia de cada um. Isso sim seria algo em defesa do benfica agora estar a escrever mal dos outros nem defende o benfica nem o desporto.
    Um bem haja e passe bem Alberto Miguéns

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo

      Pelo contrário. Passo a explicar.

      1. Eu considero o FC Porto um grande clube, dos maiores da Europa,. por isso um dos que deve e tem de ganhar mais vezes, mas (ao contrário do que querem fazer crer no próprio FC Porto) considero-o desde sempre e não desde 1974 ou 1982. Desde sempre. Não é haver um antes e um depois. O FCP é um grande clube desde que foi fundado. ponto final. Não é desde Pedroto/ Pinto da Costa.
      Dominou o futebol regional desde sempre, conquistando a Taça Monteiro da Costa e os Regionais que se seguiram até 1947 (apenas perdeu 4 e penso que conquistou 30);
      Foi o primeiro clube a conquistar a Taça de Portugal (ainda designada Campeonato de Portugal) em 1921/22;
      Foi o primeiro clube a conquistar o Campeonato Nacional (ainda designado Campeonato da I Liga) em 1934/35.
      Foi o primeiro clube a disputar um jogo internacional (15 de Dezembro de 1907, frente ao Real Fortuna FC Vigo)
      Foi o segundo clube português a jogar no estrangeiro, depois do CIF (31 de Janeiro de 1908)
      Etc. Um grande clube.
      O actual FCP é que desvaloriza e esconde tudo para tentar sobrevalorizar o Pinto da Costa;

      2. O FCP num regime político menos corrupto como o português ganhava menos, mas ganhava. Ganhava menos que o Benfica e mais do que o Sporting CP.

      É o que penso.

      Saudações

      Alberto Miguéns

      NOTA: E tem o nome de uma das cidades mais belas, histórias e dignas de Portugal. A cidade do Porto!

      Eliminar
  32. Caro Alberto Miguéns, como lhe sugeri e se calhar seria uma ideia interessante, é dar mais importânica aos ex jogadores, nomeadamente àqueles que já paryiram entre nós. Seria interessante fazer a biografia de todos, porque o benfica não foi só Eusébio, foram muitos mais. Eu como portista que sou achava isso muito mais interessante, porque repare que sempre que leio os títulos deste blogue, estes não correspondem ao título principal. Faça uma análise àqueles que passaram pelo benfica e transcreva e verá que muitos adeptos benfiquististas e de outros clubes, como eu iremos aplaudir essa iniciativa. De resto não vale a pena estarmos a discutir, porque como deve calcular não iremos chegar a lado algum, eu defenderei sempre o meu porto como o Alberto defenderá o benfica.
    Os cumprimentos de um Portista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este blogue já fez biografias de muitos futebolistas, treinadores, basquetebolistas, presidentes, dirigentes. e continuará a fazê-las quando se justificar.

      E continuará a escrever acerca do FC Porto e de todos os adversários. Isso posso garantir. Não se preocupe.

      O Benfica não joga sozinho. Precisa de ter adversários para jogar e conquistar.

      Saudações de um Benfiquista

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. Prezado Alberto,
      O seu blogue é um documento histórico por si só, um resumo da história do Maior e mais Glorioso estandarte da nação estado mais antiga do mundo.
      Sou natural de Paranhos, Porto, mas sou Benfiquista desde o dia em q meus pais pensaram em me conceber. Conheço bem a minha querida cidade e suas gentes.
      Infelizmente, um bando de criminosos e pulhas da pior espécie, decidiu usar, sujar e manchar o nome da minha amada cidade e suas nobres gentes em beneficio de uma istituiçao corrupta, fascista e mesquinha por natureza. E, sem olhar a meios, fizeram, fazem e continuarão a fazer de tudo para eliminar quaisquer concorrentes diretos. Foi assim com o Académico, com o Salgueiros, com o Boavista, com o Progresso, com o Leixões, estes a nível regional. A nível nacional, tem sido assim com o Sporting e, queria eles q assim fosse com o nosso querido e gloriosos BENFICA. Conheço-os bem, são como um cancro entranhado nas visceras do desporto português.
      Desta forma e por tudo o q esses pulhas têm feito de mal à minha cidade e suas gentes, ao desporto nacional de uma forma geral e, acima de tudo, ao nosso Glorioso BENFICA, venho agradecer aqui a sua obra EM DEFESA DO BENFICA.
      p.s. - não despenda muita energia a responder a defensores dessa instituição corrupta de contumil.

      Um Benfiquista Tripeiro

      Eliminar
  33. Anónimo8/7/16 08:22

    És mesmo parolo ó lambe -botas de Lisboa...Ó imbecil porco trotskista,estalinista maoista ou coisa do género...A pior faceta do Estado Novo, foi mesmo a exaltação do nacional-parolismo benfiquista, a partir do titulo que custou muito a lisboa de Yustricht, criaram-se poderes dentro do poder, que ultrapassaram até o Dr Salazar, que não era centralista e tinha até tentado dar mais poderes ás provincias, o que tinha sido rejeitado, dentro da própria PIDE,criam-se "PIDES" e o lisboa e benfica é o clube destas "PIDES"...o Dr Cesário Bonito chega a ser bastante incomodado por esta gente do nacional-parolismo que já pouco tinha a ver com o genuino Estado-Novo...com o "calabotismo" começa o "horror lampião" com o apoio doutro "poder" dentro do poder...os governantes das colónias...mas o GLORIOSO FUTEBOL CLUBE DO PORTO, RESISTIU E HÁ-DE RESISTIR SEMPRE A ESTA ESCUMALHA .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo,

      A resposta és tu que a dás.

      Meia dúzia de frases feitas.

      Custa-te a ser adeptos de um clube sem categoria Instituição de Utilidade Pública Fascista (desde 128). Aos dois anos de Fascismo já estavam a comer à mão. O SLB só em 1960!

      Como vês o teu clube de escumalha levava muitos anos de avanço! Tens vergonha do FCP? O problema é teu.

      Eu sou do "Glorioso". DO Clube de Manuel da Conceição Afonso, Félix Bermudes e José Magalhães Godinho (vê a série da RTP 2 Antes da PIDE). Tenho orgulho.

      Se fosse portista vomitava todos os dias.

      Saudações de Um Clube da Liberdade para um Clube Assumidamente Corrupto

      Alberto Miguéns

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail