A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/04/2016

Com Tudo...

13/04/2016 + 0 Comentários API
ESTÃO ESCOLHIDOS OS "HERÓIS" DE 2015/16 QUE TÊM UMA OPORTUNIDADE SOBERANA DE AFASTAR, PELA PRIMEIRA VEZ, O FC BAYERN.



Os futebolistas com o "Manto Sagrado" nunca conseguiram afastar - esta é a quarta vez - a poderosa equipa do maior clube germânico numa eliminatória das competições organizadas pela UEFA. Esperamos que seja desta... À quarta é de vez! Mas...um Golo-rioso, em Munique, mesmo com derrota, por 1-2, dava tanto jeito. Facilitava tanto...a tarefa!

O Benfica não tem nada a perder
O FC Bayern Munique tem tudo a perder. É um Clássico por isso o Benfica pode eliminar o poderoso emblema da Alemanha. O FC Bayern é que tem de mostrar argumentos face ao poderio económico do clube, da Baviera e da Alemanha. O “Glorioso” só tem de honrar os ases que nos honraram o passado. Os Gloriosos Futebolistas só têm de durante 90 minutos dignificarem o “Manto Sagrado”. Se assim for, qualquer resultado será bom. E o Benfica ficará mais perto de eliminar o FC Bayern ou, na pior das hipóteses, se o adversário assumir e mostrar a superioridade que lhe é reconhecida, mostrará ao Mundo porque é BENFICA! Os orçamentos não ganham jogos, mas ajudam. A Mística quando é exercida é sempre ganhadora!

               JOGOS ENTRE S.L. BENFICA E FC BAYERN (BAVIERA) MUNIQUE
Época
Res.
Sit
Competição
Estádio/Cidade/País
1971/72
V 2-1
N
Particular *
Colombes/Paris/França
1975/76
E 0-0
C
Taça Clubes Campeões Europeus
(Quartos-de-final)
Luz
D 1-5
F
Olímpico/ Munique
1981/82
E 0-0
C
Taça Clubes Campeões Europeus
(Oitavos-de-final)
Luz
D 1-4
F
Olímpico/ Munique
1990/91
V 2-1
N
45.º Troféu “Teresa Herrera” (M-F)
Riazor/Corunha/Espanha
1995/96
D 1-4
F
Taça UEFA
(Oitavos-de-final)
Olímpico/ Munique
D 1-3
C
Luz
1999/00
D 1-2
C
Particular **
Luz
2006/07
E 0-0
N
Torneio Quadrangular do Dubai (Meia-Final)
Al-Rashid/Dubai/EAU (1)
2015/16
D 0-1
F
Liga dos Campeões
(Quartos-de-final)
Allianz Arena/ Munique
C
SLB
NOTAS: * Taça Marcelo Caetano (homenagem aos emigrantes); ** Festa de despedida e homenagem ao guarda-redes Preud’homme; (1) Vitória (4-3), após 90 minutos, no desempate por pontapés da marca de grande penalidade

Sejam Nenés!
Acredito! Vai ser em 2015/16 que vou ver, na "Catedral", o Benfica vencer o FC Bayern Munique. E juntar mais uns goleadores aos sete actuais que marcaram nove golos: Nené (3 golos em 3 jogos), Vítor Baptista, Rui Águas, Schwarz, Dimas, Valdo e Chano. 


Depois de três derrotas, ao vivo, na "Saudosa Catedral"
Na realidade uma dessas três derrotas foi um "empate" (0-0) depois transformado em derrota (1-4) na 2.ª mão! Quero uma vitória! Uma!





Encontros do "Glorioso" com clubes germânicos
O primeiro jogo frente a um clube alemão ocorreu num jogo particular, em 4 de Outubro de 1961, há mais de 54 anos, quando na "Saudosa Catedral" recebemos o SG Eintracht (Concórdia, em português) de Franqueforte (D 2-3, com golos de Coluna e Cavém). Seguiram-se muitos jogos, entre particulares, para torneios ou numa das três competições oficiais da UEFA. Hoje, na “Catedral”, o "Glorioso" completará 68 encontros frente a clubes alemães. Quantos emblemas do futebol mundial, fora da Alemanha, têm tantos jogos frente a um dos futebóis mais poderosos do Mundo? Em Portugal nenhum. Quer FC Porto, quer Sporting CP apresentam valores inferiores a 50 encontros!
Apesar das dificuldades colocadas por um futebol colectivo (o mais colectivo do Mundo), dinâmico, com força e capacidade técnica, registamos mais quatro vitórias (26/22) e mais cinco golos marcados (93/88).

                    JOGOS DO BENFICA COM CLUBES ALEMÃES
Adversário
J
V
E
D
GM
GS
FC Bayern Munique
11
2
3
6
9
21
TSV Bayer 04 Leverkusen
6
2
3
1
9
9
1.FK Nuremberga
5
3
1
1
12
6
FK Carl Zeiss Jena
4
1
2
1
2
3
VFL Bor. Monchengladbach
4
-
3
1
1
3
BV Borússia Dortmund
3
1
-
2
3
8
FC Schalke 04
3
1
-
2
2
4
Fortuna Dusseldorf
3
1
2
-
3
2
VfB Estugarda
3
2
-
1
4
4
Hertha BSC
3
1
2
-
6
2
SG Eintracht Franqueforte
2
-
1
1
2
3
Misto SGEF + OFCKO
2
1
-
1
3
3
1.FK Lokomotiv Leipzig
2
1
-
1
3
4
FK Vorwarts (Berlim Or.)
2
1
-
1
2
2
1.FK Dinamo Dresden
2
-
1
1
0
2
1.FC Kaiserslautern
2
1
-
1
2
2
Hamburgo SV
1
1
-
-
4
3
OFC Kickers Offenbach
1
1
-
-
3
0
Selecção Berlim Ocidental
1
1
-
-
4
2
Misto FKN + FCBM
1
-
1
-
2
2
SV Riedlhutte
1
1
-
-
2
0
FC Sachsen Leipzig
1
1
-
-
5
1
1.FC Traunstein
1
1
-
-
6
0
VFR Aalen
1
1
-
-
4
1
FSV Mainz
1
-
-
1
0
1
Karlsruher SC
1
1
-
-
1
0
 TOTAL
67
26
19
22
93
88
              NOTAS: Bayern é Baviera, em português, e Eintracht é Concórdia;
              Misto SGEF (Eintracht) + OFCKO (Kickers);
              Misto FKN (Nuremberga) + FCBM (Bayern)


Foi a 12.ª vez que o “Glorioso” fez este resultado, com a 1.ª mão, jogada em terreno alheio
Em 149 eliminatórias (contabilizando nesta cifra a final da Taça UEFA em 1982/83, então jogada em duas mãos), com 71 iniciadas “em casa” e pela 78.ª ocasião em terreno alheio, foi a 12.ª vez que o Benfica saiu derrotado, por 0-1, com a eliminatória a ser resolvida “em casa”. Nas onze eliminatórias anteriores o “Glorioso” foi bem sucedido em cinco situações e teve insucesso em seis (incluindo a final da Taça UEFA). Mesmo assim, estou esperançado em colocar “Passagem” quando repetir o Quadro, após o encontro de hoje!

DERROTAS, POR 0-1, NA 1.ª MÃO, FORA, NAS ELIMINATÓRIAS DAS COMPETIÇÕES DA UEFA

Época

Com

Elim
Res.
2.ª mão
Casa

Adversário
          Conse-
quência
71/72
TCE
1/4
V 5-1
SC Feyenoord (Holanda)
Passagem
1/2
E 0-0
AFC Ajax (Holanda)
Eliminação
72/73
TCE
1/16
V 4-1
Malmoe FF (Suécia)
Passagem
80/81
TVT
1/8
V 2-0
Malmoe FF (Suécia)
Passagem
82/83
TUE
FIN
E 1-1
RSC Anderlecht (Bélgica)
Vencido
83/84
TCE
1/8
V 3-0
Olympiakos PFC (Grécia)
Passagem
1/4
D 1-4
Liverpool FC (Inglaterra)
Eliminação
85/86
TVT
1/4
V 2-1
FK Dukla Praga (Checoslováquia)
Eliminação
90/91
TUE
1/32
D 0-1
AS Roma (Itália)
Eliminação
97/98
TU
1/32
E 0-0
SC Bastia (França)
Eliminação
12/13
LE
1/2
V 3-1
Fenerbahçe SK (Turquia)
Passagem
15/16
LC
1/4
?
FC Bayern Munique (Alemanha)
?
NOTAS: Taça UEFA (TUE), na actualidade Liga Europa (LE); TVT - Taça dos Clubes Vencedores das Taças (extinta); TCE - Taça dos Clubes Campeões Europeus, na actualidade Liga dos Campeões (LC)

Repetir os feitos de ucranianos (então soviéticos) e ingleses 
Conseguindo "dar a volta" a um resultado negativo (0-1) trazido de terras bávaras.

VITÓRIAS, POR 1-0, NA 1.ª MÃO, CASA DO FC BAYERN, NAS ELIMINATÓRIAS DAS COMPETIÇÕES DA UEFA

Época

Com

Elim
Res.
2.ª mão
Fora

Adversário
          Conse-
quência
70/71
TcF
1/32
E 1-1
Rangers FC (Escócia)
Passagem
76/77
TCE
1/4
D 0-2
FC Dínamo Kiev (URSS)
Eliminação
83/84
TUE
1/8
D 0-2
Tottenham HFC (Inglaterra)
Eliminação
07/08
TUE
EA
V 2-0
CF “Os Belenenses” (Portugal)
Passagem
09/10
LC
1/2
V 3-0
Olímpico Lião (França)
Passagem
15/16
LC
1/4
?
SL BENFICA (Portugal)
?
NOTAS: EA – Eliminatória de acesso à fase de grupos da Taça UEFA;
Taça das Cidades com Feiras (TcF), depois Taça UEFA (TUE), na actualidade Liga Europa (LE);
TCE - Taça dos Clubes Campeões Europeus, na actualidade Liga dos Campeões (LC)

A Glória aqui tão perto
O Benfica pode ser o 17.º clube a eliminar o poderoso FC Bayern de Munique pela 19.ª vez depois do clube da Baviera ter iniciado a eliminatória no seu terreno. Até hoje os registos já concluídos dos germânicos são: 138 eliminatórias, 69 iniciadas em casa com 51 em que passou à fase seguinte e 18 em que foi eliminado. Eis estas escassas 18 que, hoje, esperemos que sigam para a 19.ª em 70 iniciadas em casa e 139 no total.

Notas: 1. COMPETIÇÕES: TcF – Taça das Cidades com Feiras (1957/58 – 1970/71; com finais a duas mãos); TU – Taça UEFA (1971/72 – 1996/97 com finais a duas mãos e entre 1997/98 – 2008/09 com um jogo final; LE - depois de 2009/10; TC – Taça dos Clubes Campeões Europeus (1955/56 – 1990/91); LC – depois de 1991/62); TT – Taça dos Clubes Vencedores das Taças (1960/61 – 1998/99)
2.   FASE: DF – Dezasseis-avos-de-final; OF – Oitavos-de-final; QF – Quartos-de-final; MF – Meias-finais

Carrega Benfica

Alberto Miguéns


NOTA: Agradecimento a Sedat Frahm que me enviou as estatísticas do FC Bayern Munique, nas quais confio em absoluto como se fosse eu a fazê-las.
0 comentários
comentários

Enviar um comentário

Em Defesa do Benfica no seu E-mail